segunda-feira, 29 de maio de 2017

Sporting do passado: os primeiros Roquettes



Alfredo Augusto das Neves Holtreman, formado em Direito pela Faculdade de Direito da Universidade de Coimbra, foi um distinto advogado de Lisboa e proprietário de casas e terrenos, entre os quais a Quinta das Mouras, junto ao Campo Grande, onde hoje está o Estádio do Sporting. O título de 1.º Visconde de Alvalade foi-lhe concedido por uma vida por decreto do rei D. Carlos de 22 de Junho de 1898.
Da primeira filha nasceu José Alfredo Holtreman Roquette, mais conhecido por José Alvalade. Em 1904 quando o neto lhe pediu ajuda financeira para fundar o que viria a tornar-se o Sporting Clube de Portugal, além de 200$000 réis, disponibilizou  terrenos na sua quinta de Alvalade, que abarcava as actuais zonas do Lumiar, Campo Grande e Alvalade, em Lisboa, para a construção do estádio (foto abaixo).


Foi o 1.º Presidente do Sporting Clube de Portugal, em 1906, funções que cessaria a 4 de Janeiro de 1910, passando então a presidir à Assembleia Geral até 28 de Julho de 1917.
Em 1907 redigiu os primeiros Estatutos do Sporting Clube de Portugal, sendo declarado sócio benemérito do clube, em 1910 e sócio de honra em 1912.
Após a Implantação da República, o visconde de Alvalade perdeu o interesse no Sporting Clube de Portugal, até porque se viu obrigado a ausentar-se para Londres devido às suas ligações com a família real, de quem foi advogado, falecendo em 1920, numa altura em que já se tinha desligado do clube, desanimado pela morte prematura do seu neto.

O neto, José Alfredo Holtreman Roquette, mais conhecido por José Alvalade, foi o fundador e primeiro sócio do Sporting Clube de Portugal, juntamente com os irmãos Stromp, Henrique de Almeida Leite Júnior e os irmãos Gavazzo. Interessado no desporto desde jovem, José fez parte do Campo Grande Football Club. Estudou Medicina no Harvard Institutes of Medicine, durante 3 anos, acabando por abdicar de profissão porque, segundo ele, era demasiado sensível para lidar com sangue. Foi igualmente jogador de futebol, tendo feito parte de equipas ocasionais de críquete e ténis. Em Junho de 1910 foi nomeado presidente, o terceiro até então, cargo que exerceu até Novembro de 1912. Dois anos depois, deixou a instituição por desentendimentos com membros da direção.  Morreu com apenas 33 anos, a 19 de Outubro de 1918, vítima da pneumónica.

Sem comentários:

Enviar um comentário

POSTS MAIS LIDOS